17 de novembro de 2008

O Artista e a Beleza

S.S.Shri Mataji : Mas para uma pessoa que é realmente uma alma realizada, quero dizer, vocês não cheiram qualquer coisa suja. Vocês sempre cheiram algo bom. Vocês nunca cheiram, vocês não pensam em nada sujo. Onde quer que vocês vão, tudo é belo. Mesmo se vocês só vissem areia, vocês vêem os padrões. Mesmo se vissem uma colina estéril ...

Eu vi algumas pessoas que foram e Eu disse "Olhem a beleza dessas colinas - em Maharastra".

Elas disseram "Mãe, qual é a beleza? Elas não estão cobertos de árvores".

Eu disse "Esta é a beleza, simplesmente vejam os padrões".

Elas não podiam ver os padrões que Eu estava vendo. Mas, se vocês me perguntarem "Que colina é esta?", Eu também saberei isso. Porque Eu conheço os padrões de todas as montanhas, como eles mudaram e coisas desse tipo.

Porque as pessoas não vêem isso, vejam, elas não podem ver a beleza, porque elas estão olhando para os defeitos. Ou relativamente, vejam, "as árvores inglesas são melhores que, digamos, as árvores X, Y, Z. Então, estas não são melhores". Elas começaram a comparar. Mas, vocês estão no ponto absoluto, vocês estão pegando o absoluto de tudo. Tudo pertence à vocês. O que há para ser julgado?

Sahaja Yogi: Mãe, talvez a Senhora possa ver a beleza porque a Senhora é o artista.

Shri Mataji: Eu sou o artista e Eu sou a arte. Mas, e sobre vocês? Quem são vocês? Vocês são aqueles que são criados e vocês podem criar, e vocês podem se tornar o artista.

É isso que Eu estou dizendo: que vocês não são somente a luz, mas a luz que dará luz aos outros. E também vocês sustentarão essa luz à qual vocês deram luz. Essa é a diferença agora, entre vocês e outras pessoas. Não somente que vocês serão o artista, mas vocês regozijarão a arte do artista. Isso é o que vocês ganharam, vocês não sabem, vocês não estão conscientes de seus poderes. É algo dinâmico que aconteceu a vocês, a que vocês devem se dedicar.

(Sessão de perguntas e respostas, Londres, 6/8/82) Texto original