16 de maio de 2017

40% das pessoas deveriam receber a Realização



"Como vocês viram, quando essa energia flui, ela trabalha. Trabalha em todas as direções, em todas as dimensões. Por exemplo, trabalha fisicamente. Suponhamos que vocês tenham alguma enfermidade física. Vocês viram que muitas pessoas se curaram na minha presença, simplesmente pela minha presença. Não necessito fazer-lhes nada. Da mesma maneira, tão logo vejo uma pessoa, sei do que ela está sofrendo. Devo dizer que isso é também minha conexão com o Divino. Essa conexão me diz qual é o problema de cada pessoa e o que é preciso fazer a respeito. Tudo pode ser curado muito rápido. Isso Me chega facilmente. Ou seja, não faço perguntas, não tento averiguar nada, não analiso, simplesmente Ela me diz: “Faça tal coisa”. Embora, na verdade, tampouco me diga alguma coisa, simplesmente age. Funciona automaticamente. É muito difícil explicar como essa energia trabalha.

Mas todos vocês que possuem a Realização também podem fazer com que a sua energia trabalhe. Como? Liberando-a, sentindo-a, dando-a aos demais, experimentando. É claro que a Sahaja Yoga se expandiu apenas graças a vocês. Vocês é que trouxeram as outras pessoas para a Sahaja Yoga. Mas essa não é a meta final. Temos que salvar este mundo. Para isso sinto que 40% das pessoas deveriam receber a Realização, seja qual for sua nacionalidade ou formação. Eles têm que receber a Realização. Em nossas escrituras na India está dito claramente: “Sem Atmasakshatkar vossa vida é inútil”. Mas, o que é Atmasakshatkar? É o conhecimento do seu ser. Como vocês podem ter esse conhecimento se não se tornam unificados com esse poder omnipresente?

A abertura do Sahasrara em 1970 foi um fato muito importante. Quando ele ocorreu, me senti totalmente satisfeita porque soube que o único obstáculo que tinham os seres humanos era seu Sahasrara que não estava aberto. Compreendi que por isso se moviam na escuridão, que por isso havia guerras e tinham todo o tipo de problemas. Pensei: “se o Sahasrara deles se abre e eles se unificam com o Poder Divino, todos os seus problemas se solucionarão e eles serão muito felizes”. Dei-me conta disso e me alegrei muito, Eu estava transbordante de satisfação.

Mas ninguém me compreendeu..."

S.S. Shri Mataji Nirmala Devi, Puja do Sahasrara, Cabella, Itália, 06/05/2001.

19 de abril de 2017

As negatividades existem enquanto nutrirmos elas.

Então, vocês já ouviram falar sobre a importância do dia de hoje na vida da Deusa. E que hoje Ravana foi morto e foi assim que houve celebrações. Como vocês sabem muito bem que todas as forças satânicas, as quais cada encarnação divina teve que enfrentar um a um em cada época, estão todos de volta ao palco e eles devem ser derrotados. O maior problema dos tempos modernos é que essas forças satânicas assumiram uma forma muito sutil e entram em suas psiques e em seus egos. E vocês são os santos, vocês são os Bhaktas, vocês são os devotos da Deusa. É uma situação muito delicada. Quando a confusão existe, quando os santos são atacados, o agressor pode ser removido, mas os santos se tornam perdidos ou confusos com as forças negativas, o que torna muito difícil fazê-los ver a luz. E você tem visto esta situação muito bem. E quanto mais sutil você se torna, mais sutil eles se tornam. E eles começam a lhes dar ideias que são tão negativas, mas você não pode vê-las. Portanto, o problema hoje é muito delicado. Não há santos absolutos e não há pessoas ruins absolutas.
É uma tal mistura, uma confusão. Isso é o que a Kali Yuga é. São os tempos modernos. A única maneira de se livrar deles é entregar, se render. Essa é a única maneira. Não há outra maneira disponível. Porque quando você se rende, os espíritos, as negatividades, as forças satânicas simplesmente desaparecem. Porque eles são defeituosos. Eles não têm nada que estar lá. Eles não têm interesse em uma pessoa que se rende a Deus. Eles não podem se render. Se eles se renderem, eles também se tornarão santos. Todo o tempo pensar "Quais são meus bloqueios? Quais são minhas negatividades? " não vai te ajudar. Basta entregar todas essas ideias que estão vindo para você e você vai descobrir que todas as ideias absurdas vão sumir. Esta é a maneira mais fácil de se livrar de seus problemas. É apenas render-se. Afinal de contas, todas essas pessoas horríveis, todas as divindades horríveis, inimigos, que apareceram para lutar contra a Deusa, existem enquanto vocês as nutrirem. Assim que vocês se entregarem, eles vão achar que vocês não servem para eles, e vão para outras pessoas meio comprometidas (com a Sahaja Yoga). O crescimento só virá, quando a entrega for completa. É preciso saber que os poderes são tremendos. Vocês não podem concebê-los, como é dito por Markandeya. Vocês não podem concebê-los; Está além de sua concepção. Externamente vocês não podem entender, vocês simplesmente não podem entender. Sob tais circunstâncias a melhor coisa é renderem-se. Agora se render, o que você entrega? O que você entrega é o seu ego e seu superego e fica completamente limpo e encharcado nas bênçãos. Porque você não pode dar nada. Você tem que receber as bênçãos. E para receber as bênçãos que você tem que se render. É tão simples. A maneira mais fácil para resolver todos os seus problemas é se entregar.

Basta dizer: "Eu me rendo". Para almas realizadas esse deve ser seu mantra. E vocês ficarão surpresos como todos os seus problemas desaparecerão. Porque não só que os poderes são enormes, mas como vocês são almas realizadas todas as Forças Divinas, todas as Deidades Divinas, todos os Seres Eternos; Chiranjivas, todos os anjos e ganas, todos eles estão cuidando de você. Mas eles sabem uma coisa, aqueles que estão entregues e aqueles que não se rendem. Você simplesmente entrega o problema, e ficará surpreso que a resposta virá de maneira tão milagrosa. Apenas se renda. Não tome nenhuma responsabilidade sobre si mesmo. Apenas se renda. Por que até onde você pode ir para a solução? Até sua racionalidade. Além disso, você tem o seu Espírito, e o Espírito está ligado ao Divino. O melhor é render-se e toda a coisa mostrará tal luz e tal beleza e tal significado.(...) Você está completamente protegido. Tenha certeza disso.

Trechos da palestra de Shri Mataji Nirmala Devi no Navaratri, Hampstead, Londres, 19/out/1980.

11 de março de 2017

Decência nas brincadeiras

"Mas, temos que lembrar a especialidade do [Festival] Holi. Nós queremos fazer dele um 'Diwali', quando deve haver decência nele. Não deve haver nenhuma indecência, nenhuma obscenidade e, se houver, então não é o Holi de Shri Krishna. É um Holi destas pessoas que não são realizadas. Quando as pessoas são realizadas, ao brincar no Holi, não há nenhuma forma de indecência. Como na Sahaja Yoga, homens e mulheres não brincam Holi. Homens brincam no Holi com homens e mulheres com mulheres.

Na Sahaja Yoga, cunhada e cunhado mais novo podem brincar no Holi. Há um protocolo para isso como você sabe, que aquelas mulheres que são mais velhas podem brincar com homens mais jovens. E aqueles que são mais velhos, se os homens são mais velhos e a mulher é mais jovem, então eles não devem brincar no Holi juntos, não deve haver qualquer interação entre eles. Ao contrário, se a senhora for mais velha a interação com um homem mais novo é permitida. Isso é bem conhecido no nosso país [Índia]. Uma cunhada e um cunhado mais novo brincam no Holi, mas não um cunhado mais velho que a cunhada. Não com o cunhado mais velho. Este protocolo é respeitado em toda a Índia, você ficará surpreso. E funciona por si só; está estabelecido dentro de nós. É estabelecido nas [células]. Porque na Índia, nós não fazemos coisas erradas normalmente.

Na Inglaterra, se você vê, uma mulher de oitenta anos pode se casar com um garoto de dezoito anos. Ela não se importa. Em nosso país, ninguém pode sequer pensar nisso. Isso significa que não temos cérebro para isso! Então, aqui, todas essas coisas não acontecem por causa de nossa educação. Eles [bons condicionamentos] são semeados em nós. Eles são estabelecidos tão profundamente em nós. Por isso estamos salvos. Se há uma senhora de 80 anos, ela é certamente como sua mãe. Você tem que considerá-la como uma mãe, na verdade como uma avó! Mesmo uma pessoa estúpida não terá essa ideia em sua mente. Mesmo a pessoa mais baixa não tem tais ideias em sua mente. E uma senhora tão velha nunca terá tais ideias em sua mente.


Assim, por causa dos condicionamentos que temos, os condicionamentos indianos, temos amadurecido completamente, lentamente, lentamente. Eles [ocidentais] não amadureceram. Sua mente é como eles sempre tivessem 25 anos de idade... Eles não podem subir mais alto do que isso. E nós amadurecemos porque os condicionamentos dentro de nós nos estabilizaram, completamente. Como uma árvore amadurecerá somente se se desenvolve corretamente. Se está pendurado no ar, não pode amadurecer. Mesmo quando envelhecem, sua infantilidade não desaparece. E notei que os indianos se tornam como os ocidentais, quando entram em contato com eles. As velhas senhoras com filhas adultas, também falam estupidamente como as filhas. Mesmo em sua compreensão e percepção não há maturidade. E para atingir esta maturidade o povo precisa seguir os protocolos que foram estabelecidos. E é uma grande alegria, nada pode dar errado, nenhum mal pode vir em nossa sociedade.

Assim, o Holi tem esse aspecto, que tem de ser renunciado em Sahaja Yoga, a obscenidade. E o aspecto de Holi que é amor, tem que ser abraçado; sem tomar qualquer entorpecente, todos nós somos um. Todos vocês conhecem esse sentimento. Desta vez, deve-se abraçar com calor especial, porque o trabalho de Shri Krishna era de amor. Ele disse que devemos desfrutar completamente do amor, porque o mundo inteiro é o jogo de amor do Todo-Poderoso. Não há seriedade nele. Leela (brincadeira), Leeladhar, Aquele que sustentou Leela foi Sri Krishna. É por isso que Ele disse que tudo deveria ser visto como um teatro. (Sinto vibrações tão fortes). "Leeladhar". E no jogo deste Leeladhar não deve haver nenhuma obscenidade.

Nossa civilização é muito simples e bem estabelecida. Mas essas pessoas têm o cérebro de cabeça para baixo. Como as mulheres exporão seu corpo, andarão por aí, e se alguns homens aparecem, imediatamente abotoam seus casacos. Qual é a necessidade de abotoar o casaco? As senhoras devem se vestir corretamente. Mas, toda a sua cultura está de cabeça para baixo. Está formada assim. Agora, como elas estão chegando à Sahaja Yoga, isso será estabelecido. A cultura que vocês [indianos] têm, por favor, não renunciem a ela. É uma coisa muito grande para a Sahaja Yoga que vocês sejam indianos, bem como que vocês tenham uma cultura muito grande como herança. Vocês devem adotá-la. Adote-a firmemente e estabeleça-se nela. E você deve amadurecer nela. Mas isso não significa que você se torne como uma pessoa [velha] ou você se torne uma pessoa muito séria. Você deveria ser feliz. Quando sua Mãe ri, você viu, Eu rio com um coração muito aberto. Todo mundo está surpreso porque os gurus nem sequer sorriem e Mãe está sempre rindo e o sorriso nunca sai de Seu rosto. Eu não posso falar sério por mais de um minuto. Mesmo quando estou falando sério, é apenas uma peça teatral. E muitas pessoas já sabem esse fato, agora. Então eles não levam isso a sério. Isso não é correto.”

(Shri Mataji Nirmala Devi, Holi Puja, 29 de março de 1983, Delhi)

19 de fevereiro de 2017

Puja para estabelecimento de Shri Ganesha

Este mini Puja a Shri Ganesha, para reestabelecer Shri Ganesha na Mãe Terra, foi feito por Shri Mataji no ano de 1977 em Rahuri, Índia.

O Puja foi feito porque havia "grupismo" de sahaja yogis. Shri Mataji vibrou três cocos juntos em um lugar na Mãe Terra. Todas as brigas terminaram e também as lojas de bebidas alcoólicas foram fechadas na área.

Primeiro escolha um lugar onde você pode colocar três cocos enterrados​ (depois do puja)​. É suficiente cavar um pequeno buraco de 30 centímetros quadrados.

Assim, para vibrar os cocos, aplicamos ku​m​kum e desenhamos suástica​s​ neles. Mantenha estes cocos com os "olhos" para a foto de Shri Mataji.

Iniciando o Puja, ore à Mãe para que desperte Shri Ganesha nesses cocos. E então nós começamos a fazer o Shri Ganesha puja recitando o Shree Ganesha Atharva Shirsha e recitando os 108 nomes de Shri Ganesha. Se o tempo permitir, leia o Adi Shakti Stuti, do livro Nirmal Vidya ​(ou Shri Devi Atharva Shirsham do Livro de Mantras)​.

Você pode oferecer flores, arroz, Haldi, Kumkum aos pés de lótus de Shri Mataji.
Mantenha um copo de água para vibrar.
Pequenos doces ou salgados (channa, lad​dus) de prasad também podem ser oferecidos. Agora leve esses três cocos onde você quer colocar.

Depois de dizer o mantra a Shri Adi Bhoomi Devi, oferecendo um pouco de "tirtha" (Água vibrada.) Recite Shri Ganesha Atharwa Shirsha e coloque esses cocos naquele buraco.

Mantenha em forma de Y todos os três shendi's (olhos) apontando para fora.

ORE PARA A MÃE "POR FAVOR ESTABELEÇA SHRI GANESHA NESTA ÁREA". ISSO PURIFICA A TODOS E TODA A NEGATIVIDADE É REMOVIDA POR SHRI GANESHA.

Agora cubra estes cocos com a terra.
Ofereça novamente um pouco de água vibrada.
O estabelecimento de Shri Ganesha está feito.

Lembre-se apenas Shri Adishakti pode despertar Shri Ganesha na Mãe Terra.
Então, enquanto fizer o puja, tenha fé e completa entrega a Shri Mataji.

Isso pode ser feito em qualquer casa Sahaja, assim como ele irá beneficiar a área em volta.

(relato de um Sahaja Yogi)

11 de janeiro de 2017

Vocês não têm que sofrer, de jeito nenhum.


Agora, uma coisa Eu tenho que falar para vocês, que Cristo sofreu por nós. Nós não temos mais que sofrer. Aqueles que negam o sofrimento Dele, terão que sofrer. Tudo bem, sofra! Mas, Ele sofreu por nós. Não há nenhuma necessidade de sofrer mais. Quando Ele está desperto em nós, Ele remove tudo o que é nosso ego, significa nossos karmas, nosso superego, que é nossos condicionamentos. (Eles são) completamente removidos e você se torna um com o Divino. Não há necessidade de ninguém sofrer e esta ideia de sofrimento é totalmente insensata. Vocês não têm que sofrer, de jeito nenhum.

Entrevista à Rádio Kazu. Santa Cruz, Califórnia (USA), 1º de outubro de 1983.

2 de janeiro de 2017

Coração Puro

"Quando o coração é purificado com sinceridade,
Então mesmo os inimigos se tornam amigos,
Tigres podem chegar perto mas nunca atacarão,
O veneno dado a tal pessoa se tornará nectar,
Qualquer mal lançado em direção a ela resultará no bem,
Palavras agressivas soarão como polidas,
Qualquer dor sofrida se tornará fonte de felicidade,
As chamas do fogo se tornarão frias,
Porque Deus Todo Misericordioso é agradado.
Se o coração de uma pessoa é cheio de compaixão,
Se uma pessoa ama mais os outros do que a
si mesma,
Deus olhará para tal pessoa com um olhar de misericórdia
E abençoará seu coração com Sua presença."

Tukaram (1608-1660 dC)

27 de outubro de 2016

Bhoot & Badha, qual é a diferença e como lidar com eles?

​Shri Mataji: Agora, Eu vou perguntar mais uma questão. Muito simples, não tão difícil. Então, qual é a diferença entre um badha e um bhoot? Como você vai reconhecê-los? Um bloqueio e um bhoot.

Yogi: Bhoots vão se mover por aí.​

Shri Mataji: E um badha?

Yogi: Fica parado. Só descrevendo, é um bloqueio.

Shri Mataji: Ele está certo. O que você falou está certo, mas não é absolutamente preciso. É deste jeito, Eu vou lhes dizer. Quero dizer, o que ele falou é a resposta correta, mas não é tão precisa. Um badha também se move. Eu vou lhes dizer. Um badha está sempre nos centros (chakras) ou em seus órgãos. Se isso está, digamos, em seu, por exemplo, no fígado, esse badha pode vir para o centro e então irá começar a se mover de seu "deste" para este, junto com a Kundalini que estará se movendo. Tudo bem? Mas, um badha não tem um movimento arbitrário. Quando você move a Kundalini, o badha se move. Badha significa bloqueio. Tudo bem? Mas, um bhoot é arbitrário. Ele se move. Estará aqui em um momento, estará lá em outro momento. Ele vai se mover para este lado, vai se mover para aquele lado. Ele irá para o coração direito, depois virá para o coração esquerdo. Se é comportamento arbitrário, então significa que não é controlado pelo movimento de seus dedos. Através do despertar da Kundalini, então você tem que saber que isso é um bhoot. Tudo bem? Entendam o que Eu estou dizendo, que uma coisa é arbitrária, trabalha por si mesma, e a outra está em seu controle. Vocês estão retirando ela por vocês mesmos. Como, vocês podem dizer que se existem alguns caroços no corpo, isso pode começar a se mover, digamos, com a corrente sanguínea ou alguma coisa, alguma força atuando sobre eles. Mas, por si só, eles não (se movem). Mas, se existe um verme, verme vivo, ele vai se mover por si mesmo."

Fonte: "O que é um Sahaja Yogi, Seminário Matinal, Old Arlesford Place, Arlesford, Inglaterra, 17/mai/1980.

26 de julho de 2016

O Princípio do Discípulo


Shri Sita com Lav e Kush
"Existe mais um ponto que Eu gostaria de falar a vocês, que existem mais dois pequenos chakras (Shri Lalita Chakra - esquerdo e Shri Chakra - direito), um que pertence ao que nós chamamos de Surya. Surya é o, significa o Sol, o Centro do Sol e o outro como o Centro da Lua no lado esquerdo. E esses dois são governados ou, podemos dizer, são abençoados por dois grandes seres, que são os Elementos Discípulos. E os Elementos Discípulos foram primeiramente, nasceram de Shri Rama e Shri Sita como Lav e Kush. E depois eles encarnaram muitas vezes nesta Terra como discípulos. Um deles é, podemos dizer, foi Shakaracharya, outro foi Kabira, desse jeito. Então podemos dizer, antes de Shakaracharya, ele vieram como Buddha e Mahavira. Depois Shakaracharya e então Eu disse a vocês, depois de Shankaracharya veio o advento de Hassan e Hussain, que eram os netos do Profeta. Então, eles vieram encarnando e eles vieram se movendo de um lado para o outro e dizendo às pessoas que "Isso é extremo, deixe isso, isso é extremo, deixe isso. Venha para o centro e fique no centro". Este tem sido seu trabalho e eles são aqueles que têm transmitido essa consciência pela qual você se torna um discípulo perfeito."
S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, excerto de 'World of Bliss and Joy', palestra em Caxton Hall, Londres, 30/5/1979

"Depois de Shri Krishna, essas duas pessoas, Buddha e Mahavira, ambos encarnaram na Índia. Como vocês sabem, a história é muito antiga, porque eles são as crianças de Rama e eles eram foi gêmemos chamados como Lav e Kush."
S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, excerto de palestra, Shri Mahavira Puja, Spain, 17/6/90


Ali, genro de Maomé, pai de Hassan e Hussain
"Então esta é a grande parte de Markandeya. Ele se encarnou mais tarde como Buddha, depois ele tomou seu nascimento como Adi Shakaracharya, é a mesma personalidade. Mas, ele é realmente o filho de Rama, para início de conversa. Ele foi Lav e ele foi para a Rússia e é por isso que eles são chamados de Slavs. Ele governou na Rússia, por isso é que eles são chamados de Slavs. Outro filho foi Kush, que foi para a China, por isso eles são chamados de Kushan. Então eles encarnaram novamente e novamente, como Hassan e Hussain, como Mahavira e Buddha, como Adi Shakaracharya e Jnaneshwara, desse jeito."
S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, excerto de palestra, Vienna, 9/6/88

Shri Buddha e Shri Mahavira

"A Realização de Deus é o estágio em que somente Buddha Gautama e Mahavira alcançaram e se estabeleceram em nosso cérebro. Cristo está aqui também. Esses dois não são encarnações. Eles nasceram como seres humanos. Eles nasceram de Sita, como Lava e Kusha. Então eles nasceram como Buddha e Mahavira, e a Adi Shakti foi sua Mãe mais uma vez. Mais tarde, eles nasceram de Fatimabi como Hassan e Hussain. Eles são os dois marcos que vocês têm, pelos quais vocês pode saber até a que altura o ser humano pode ascender. Agora, hoje eles são como encarnações.
S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, excerto de palestra sobre Sat-Chit-Anand, Nova Delhi, 15/2/77

Leia também: Luv and Kush; Livro de Mantras pg.149

25 de julho de 2016

A Miraj do Profeta Maomé.

Uma noite, os anjos apareceram a Maomé e o prepararam para uma Isra, uma jornada noturna, ao Paraíso.
O Arcanjo Gabriel, sob os atentos olhos de todos os anjos, fez uma cirugia em Maomé, retirou seu coração e o limpou. Assim que o Anjo o recolocou em seu corpo, a alma de Maomé foi preenchida de fé e sabedoria.

Uma vez purificado, Maomé montou em Al Buraq, uma égua alada com cabeça de uma linda mulher e cauda de pavão (2), que tinha a incrível habilidade de vencer, em um só salto, uma distância tão longa quanto os olhos podem ver. Ela o levou de Meca a Jerusalém, onde começou verdadeiramente sua Miraj (ascenção). Cavalgando Al Buraq, o Profeta atravessou os sete céus e pode ter o mais raro privilégio de todos: ver a face desvelada de Deus.

(Em algumas representações, o Profeta aparece com as mãos estendidas com as palmas para cima. As chamas em volta das figuras representam as vibrações.)


Durante a jornada, Maomé conduziu patriarcas, profetas do Antigo Testamento e anjos em uma mesquita celestial (1). Ele se encontrou com Adão, Jesus Cristo, João, José, Idris, Aaron, Moisés e Abraão. De Moisés, ele descreveu como um "homem de face rosada". Jesus ele descreveu como sardento e de média estatura. De Abraão ele falou "nunca vi um homem tão parecido comigo".

1 - Isso é interpretado no sentido de que Maomé não fez esta jornada fisicamente. O Profeta disse "Eu estava deitado em casa entre o estado de sono e consciência". Esse é o estado de meditação praticado na Sahaja Yoga.

2- Ela é referenciada como a Kundalini. A cauda de pavão é descrita no Alcorão e é um símbolo frequente na Índia. Al Buraq tem uma grande semelhança iconográfica com Shri Kamadenu, a Deusa representada como uma vaca alada com cabeça de uma linda mulher e cauda de pavão, que é capaz de realizar todos os desejos de seus devotos.

Al Buraq
Al Buraq

Shri Kamadhenu
Fontes:
http://www.oocities.org/khola_mon/Meraj.html
http://www.amaana.org/ismaili/miraj-wa-isra-ascension-and-night-journey-of-prophet-muhammad
http://www.harekrsna.de/artikel/islam-al-buraq.htm

Leia também: Maomé, o Profeta de Deus