7 de novembro de 2008

Diabetes II

Shri Mataji Nirmala Devi: Vocês adquirem diabetes a partir do Nabhi esquerdo porque isso está todo contido no Nabhi esquerdo. Também vocês adquirem um fígado letárgico pela combinação do Nabhi esquerdo com o Swadisthana. Com o Swadisthana, Nabhi esquerdo, essa combinação é (a causa). Essas coisas podem acontecer. O diabetes não é causado como resultado dos modos letárgicos do pâncreas, mas verdadeiramente é um pâncreas superativo que se torna letárgico – superativo. Vejam o que acontece – pensamos demais. Pâncreas, o que ele faz é converter açúcar em algo digestivo – ele converte em quê? O que ele faz é digerir o açúcar de uma forma, ou ele neutraliza em glicose; ele o desintegra.

Entrevistador: Vou dizer à Senhora como isso acontece: a parte endócrina do pâncreas, que causa diabetes, ela converte açúcar em glicose, que guarda o açúcar no corpo sob a forma de glicogênio.

Shri Mataji: Armazena o açúcar como também tem que reduzir o seu nível (no organismo).

Entrevistador: Ele reduz o nível no sangue. Ele coloca o açúcar para dentro das células do corpo.

Shri Mataji: Então, o que acontece quando vocês estão usando demais seus pensamentos ou demais seus fígados, o que acontece é que o açúcar é consumido muito rapidamente por causa do fígado, você vê? Se o fígado está com excesso de atividade, isso significa açúcar. Então o fígado é sugado e quando ele é muito sugado, mais é jogado (exigido) do pâncreas. O glicogênio é jogado mais (no sangue). O pâncreas entra em superatividade. Quando ele fica superativo, ele é detectado em um diagnóstico, não funciona mais – acabou-se. Então é dito que estamos com diabetes. Então o fígado se torna letárgico. Mas, é a superatividade que traz essa letargia.

Entrevistador: Sim, isso está correto porque uma das funções da insulina é aumentar o consumo de açúcar pelo fígado.

Shri Mataji: Isso significa que ele não secreta mais insulina. Vejam, ele tem uma atividade de secretar a insulina. Agora, ele tem uma energia limitada para produzir insulina. Quero dizer, se vocês o exaurem, então onde vocês vão obter a insulina? Então, vocês terão que repor insulina adicional. Isso é um procedimento artificial. Mas, vocês podem curar o diabetes elevando o (canal) esquerdo para o direito, porque então vocês o elevam – despertam – esquerdo para o direito. Mas, do direito para o esquerdo vocês não devem fazer com diabetes, mas inicialmente vocês tentem elevá-lo se possível.

Se houver ainda alguma vida restante naquele caso – realmente há alguma vida restante (no órgão) – então, o que acontece é que ele pode começar a funcionar. Ele começa a funcionar porque quando ele começa a bombear, a energia que vem do Swadisthana pode fluir, porque agora está em conexão com o Poder Divino. Então, isso pode ser absorvido. Então, isso começa a funcionar. Mas, supondo que está numa forma absolutamente acabada, exaurida, quero dizer, ele não desperta. Então, vocês têm que trazer o direito para o esquerdo e pedir à Adi Shakti para fazer a parte Dela. Então, Ela primeiro o desperta. A Adi Shakti vai fazer isso. Primeiro, vocês mesmos devem tentar elevar, com suas próprias mãos, com suas próprias Kundalinis, do esquerdo para o direito.

Tente dar a isso um tipo de insistência, como vocês podem dizer. Mas, ele ainda pode não se elevar. Pode ser que não. Então, em certos casos, o diabetes é curado se vocês colocarem esquerdo para o direito, ou em casos extremos, então vocês têm que colocar o direito para o esquerdo, como no diabetes infantil.

Veja, o diabetes será muito comum em qualquer país que é superdesenvolvido, muito rico. É uma doença dos abastados. Eles consomem mais açúcar do que o normal, aqueles que são ricos. Igualmente, além daquele açúcar o que eles fazem, eles pensam muito. Algumas vezes, os seres humanos fazem dieta – não tome açúcar. Não tome açúcar mas pense. Então, eles vão ter o diabetes.

Pergunta: Por que as crianças têm diabetes?

Shri Mataji: Crianças, porque os pais são daquele jeito. O sangue – vejam, os pais, o padrão – cada sangue tem um padrão e a mensagem. O sangue de todas as pessoas possui um padrão e uma mensagem. Ele carrega a completa – veja é o hábito de uma célula – é moldado pelo tipo da personalidade que vocês têm. E agora o sangue da mãe circula no sangue da criança. Portanto o mesmo padrão é carregado para lá e esse sangue, veja, circula. Se a mãe é daquele jeito, vejam – ela tem diabetes - a criança terá. Se o pai tem também, se é um filho, o filho terá. As mulheres em geral não têm muito diabetes. Normalmente, as mulheres não pegam isso. Mas, se existem mulheres, veja, como políticas e tudo o mais e aquelas que são masculinizadas ou até mesmo mulheres donas-de-casa que planejam demasiadamente seus lares – o que cozinhar e como seduzir o marido, vejam – elas também podem contrair (diabetes).

(Trechos do primeiro encontro na Bélgica, Gent, 19/9/82)