27 de abril de 2012

A Realização de Valmiki

Valmiki recitando o Ramayana para Lav e Kush
  Palestra realizada por S.S.Shri Mataji Nirmala Devi em Aurangabad, Índia, em 19 de dezembro de 1989.

Este é um lugar precioso para os Sahaja Yogis de diferentes países se reunirem.  Aurangabad tem uma significado especial em Minha vida,  porque Meus antepassados eram de um lugar próximo daqui chamado Paitarn.  Mas agora é denominado Pratishthan,  que era seu nome histórico. 

Este é o lugar em que viveu Valmiki,  o escritor do  Ramayana.  Quando Sita foi repudiada,  estava grávida,  e,  foi então morar num Ashram no Nepal.  Depois foi trazida para este lugar.  Por isso,  pode-se ver o envolvimento de Maharashtra estendendo-se até o Nepal.


Assim aconteceu,  e,  através dela e de seus filhos, Lav e Kush, um deles foi para a Rússia e o outro para a China.  Seus filhos viveram aqui até aos 12 anos,  quando Valmiki  já havia escrito o Ramayana e já lhes tinha ensinado a recitá-lo.  Depois foram para Ayodya,  onde começaram a recitar o Ramayana,  com o qual Shri  Rama se sentiu muito comovido.  Lá uma senhora cuidou deles,  sem mesmo saber quem era o pai deles.  Depois voltaram para cá por algum tempo,  e,  em seguida foram para o Nepal,  porque o pai de Sita queria que eles ficassem naquele Ashram,  perto de Dehja,  Eu mesma o vi.

Valmiki  também fundou um Ashram muito importante.  Neste lugar,  havia uma grande luta na escala da evolução animal.  Os animais inteligentes começaram a destruir os animais gigantes.  Nesta luta,  havia muitos crocodilos e um deles tentou atacar o elefante chefe da manada,  quando este bebia água no rio.  Este lugar é muito importante,  porque,  naquele momento,  apareceu Shri Vishnu  e matou o crocodilo,  salvando assim o elefante.  Assim,  de todos estes grandes animais,  só se salvou o elefante.  Por isso, se chama Gayendra Moksha. Houve muita polêmica,  porque Valmiki residiu em vários Ashrams de diferentes lugares.  Mas,  com certeza,  Valmiki  viveu nesta área,  próxima de Pratishthan.  Ele era um homem muito inteligente.

Conta-se a história de um Santo que foi a uma aldeia pedir alimentos para sustentar as pessoas que viviam em seu Ashram.  As pessoas da aldeia perguntaram ao Santo: "As pessoas que estão no Ashram dariam a vida pelo senhor?"   "- Sim,  estou certo disso",  respondeu o Santo.  As pessoas da aldeia,  então,  simularam a morte do Santo e levaram-no,  ao Ashram,  como se ele estivesse morto.  Disseram às pessoas do Ashram que o santo havia morrido pedindo suprimentos para eles,  mas que voltaria a viver se alguém oferecesse sua vida em troca da vida do Santo. 

Todos começaram a dar desculpas:  alguns porque eram muito jovens e outros por terem família.  Finalmente,  Valmiki  se ofereceu.  Mas lhe disseram que,  antes,  tinha que fazer uma penitência,  que consistia em escalar uma grande montanha conhecida como montanha de Valmiki.  Ele escalou a montanha e estava meditando quando os cupins cobriram completamente seu corpo.  Então apareceu Shri  Vishnu  e tirou todos os cupins de seu corpo e deu-lhe a Realização.  Cupim,  em sânscrito,  diz-se Valmi.  Por isso,  ele se tornou conhecido como Valmiki.