9 de outubro de 2013

Projeção e Reflexão

Trecho da Palestra proferida no Puja do Navaratri em Cabella, Itália, em 1 de outubro de 1995

 "...Eu diria com isso que hoje é uma celebração especial do Navaratri. Por exemplo, ontem vimos as nove formas de Shri Durga. Uma delas é Kushmanda, na qual vocês absorvem toda a imoralidade em si mesmos, em seu estômago. Mas é a Devi que faz isso, não vocês. O que a Devi pode fazer, vocês não devem fazer, esse é o trabalho Dela, Ela é que deve fazer isso, não vocês. O que vocês têm de fazer é apenas ficar em silêncio, assim podem absorver o que for que aumente aquele silêncio, que aumente sua profundidade."


Introspecção, Reflexão e Projeção:
Se a introspecção leva à depressão e a uma depreciação de sua personalidade, o melhor é não fazer introspecção. Porque todas as atividades mentais, Eu tenho visto, criam problemas. Mas, em um estado onde vocês estão conscientes sem pensamentos, a introspecção surge automaticamente. Vocês a veem automaticamente, entendem automaticamente. Vocês não pensam sobre isso, apenas surge em vocês. O panorama inteiro surge e vocês ficam em paz consigo mesmos. Vocês nunca estão perturbados, nunca em apuros, não ficam zangados, não brigam, não discutem, mas vocês se tornam como que imersos no oceano da consciência e não têm de se preocupar como resolver alguma coisa – quando vocês estão refletindo então percebem que esse poder funciona. Isso se torna muito contraditório ao dizer que vocês têm de projetar e refletir.

Reflexão e absorção:
Então, quando nós refletimos, nós absorvemos, quando nós refletimos sobre algo, nós absorvemos aquela coisa. E a maior parte de nossa atenção vai para os defeitos dos outros. Essa pessoa não é boa, isso não é bom, o cabelo dela não está bem, o sari dela não está bem – isso, aquilo e toda insensatez. Assim o que nós estamos fazendo é absorver todas as coisas ruins também. Quando vocês começam a admirar alguma coisa, então o que acontece é que vocês podem não pegar as coisas ruins, mas pelo menos estão num caminho melhor. Mas ainda assim a admiração em consciência sem pensamentos é realmente muito profunda. Eu vi isso nos olhos desse grande cientista,  ele era 
absolutamente unificado Comigo e os olhos dele eram como um oceano de paz.


Ele estava apenas olhando para Mim, e por um bom tempo, e então ele voltou para seus pensamentos e Me disse que isto é o que podemos fazer com Sua fotografia. Assim, a profundidade surge em vocês quando vocês não refletem. Mas é muito comum que os seres humanos, especialmente no ocidente, digam: ‘esse tapete não é bom, isso não é bom, que cheiro é esse, isso está lá, sempre tentando julgar os outros, julgar outras coisas. Não é importante, o que é tão importante, se vocês estão sentados no jardim do paraíso, o que importa? Onde vocês estão sentados, o que estão fazendo?

Sugar toda a energia para o simpático:
Essa reflexão começa como ondas de pensamentos em sua mente. Eu já descrevi isso uma vez com desenhos. Como a energia que cai no lado direito vai para o lado esquerdo e aquela que cai no lado esquerdo vai para o lado direito – cruza por causa dos dois tipos de células que temos. Então essa energia que vai para o lado direito ou a energia que vai para o esquerdo,  é sugada parcialmente para dentro do simpático. Agora, seja o que for deixado é aquilo que reflete. Esse é o modo em que isto continua refletindo. Agora, se vocês podem sugar toda essa energia e colocarem-na no simpático, então toda a nossa energia será multiplicada por 1000, muito mais. Vocês não ficarão cansados, não serão infelizes, serão capazes de suportar muita insensatez, mas não chamarão isto de insensatez, não pensarão que é uma coisa ruim, assim não terá efeito em nós. Essa qualidade nós temos de desenvolver.

Absorver a imoralidade:
Eu diria com isso que hoje é uma celebração especial do Navaratri. Por exemplo ontem vimos as nove formas de Shri Durga, também. Uma delas é Kushmanda, na qual vocês absorvem toda a imoralidade em si mesmos, em seu estômago. Mas é a Devi que faz isso, não vocês. O que a Devi pode fazer, vocês não devem fazer, esse é o trabalho Dela, Ela é que deve fazer isto, não vocês. O que vocês têm de fazer é apenas ficar em silêncio, assim podem absorver o que for que aumente aquele silêncio, que aumente sua profundidade.

Alegria no completo silêncio:
A Devi cuidará de todo o resto das coisas, Ela cuidará de toda a imoralidade, toda a raiva, todo o humor, tudo que acontece nesse mundo. Ela absorverá tudo, mas o que vocês têm de fazer é regozijar de tudo que é puro. A alegria é somente possível quando vocês estão além da mente. Com a sua mente vocês nunca podem regozijar, é como uma grande carga. Não atuará, não ajudará. A alegria surge quando vocês estão em completo silêncio, em um lago sem ondas, o reflexo de toda a alegria que é criada nas margens do lago são completamente refletidas, não são defletidas. Se elas são repelidas, então deve ter sido uma imagem completamente diferente e alguma coisa distante da imagem da realidade.

Paz na não-reflexão:
Na realidade, na verdade, não há nada mais do que paz e alegria. O desejo de uma Mãe é sempre que seus filhos tenham paz e alegria, sem sofrimentos, sem fome, sem provações, nada – eles devem somente regozijar. Aqueles dias se foram, mas mesmo para desfrutar disso, mesmo para viver naquele estado completo de paz, vocês têm de ser não reflexivos. Agora observem-se, vocês ficarão impressionados o quanto estão refletindo. Quando a Devi está fazendo todo o trabalho para vocês, quando Paramchaitanya, não sei quantas coisas tem feito, está tentando encher toda a atmosfera com esta atividade. A sua atividade deve ser parar sua atividade mental.

Projetar a profundidade:
Vocês ficarão encantados, pois somente nesse estado é que crescerão. Apenas com esse crescimento é que ficarão como aquele cientista. Como  contradição agora, é que quando vocês são profundos, podem projetar a sua profundidade. Algumas vezes, quando digo projetar, as pessoas pensam que é a projeção de sua mente, não. Vocês tem de projetar aquela profundidade, aquela realidade que está dentro de vocês, vocês não precisam pensar, não têm de planejar, simplesmente funcionará, mas vocês serão o instrumento para aquela projeção. Não é sutil, é muito simples de entender. Por exemplo, quando Eu estou falando nesse instrumento (microfone), tudo bem, se o instrumento estiver absolutamente em ordem, não há problema nele, ele será pacífico.

Mas se isso está cheio de ideias e pensamentos como nosso cérebro está, seja o que for que Eu diga, não será a mesma coisa que será difundida. Da mesma maneira, quando a sua mente está cheia de confusão e argumentos, o que vocês podem dizer, comentários ou podemos dizer, a reflexão. Então o que acontece é que essa mente vai para dentro de um turbilhão de distúrbios e isto não pode projetar-se inteiramente porque está perturbado, não está normal. Agora sim vocês entenderão, não há contradição. Vocês podem apenas projetar-se quando estão absolutamente pacíficos, e isto é o que precisamos aprender.