22 de novembro de 2013

Obediência no Agnya



"E hoje, neste grande dia, quando estou desejando a vocês um Feliz Natal, Eu desejo que tenham o  Agnya mais poderoso, de modo que  quando as pessoas olhem a sua testa, saibam que Cristo renasceu dentro de vocês."

Programa Público, “Agnya Chakra”, Caxton Hall, Londres, Reino Unido, 18 de dezembro de 1978


“…O Natal está chegando. E nessa época, quando Eu tenho de lhes desejar Feliz Natal, nessa ocasião Eu estou lhes falando sobre o Agnya Chakra...”

Obediência:
Início da Palestra:
“Agnya, a palavra ‘gnya’ significa saber. ‘Gnya’ é saber. E (A?) significa o todo. Agnya Chakra também tem outro significado. Agnya – significa obediência ou ordenar. Pode significar as duas coisas. Se vocês dão ordens a alguém, isto é um Agnya e aquele que obedece a ordem é um Agnya Kari, aquele que realiza o Agnya.”

Final da Palestra:
Para o Agnya é bom que o Natal esteja chegando. E nessa época, Eu tenho de desejar a vocês Feliz Natal. Nesta ocasião em que estou falando sobre o Agnya Chakra, que é onde temos de saber o que ordenar e como obedecer. Obedecer ao divino. Obedecer aos mais velhos. Obedecer ao seu Si e não ao seu ego. E depois vocês podem comandar os outros. Não apenas os seres humanos, mas vocês podem até mesmo comandar o Sol e a Lua e todos os ventos e tudo no mundo. Vocês podem controlar tudo, tudo com este Agnya.


O Agnya é um local para expulsar venenos sutis:

“Mas esses venenos que estão sendo produzidos fora e dentro de vocês, por favor, livrem-se deles. Estes são venenos mentais. Através do Agnya vocês podem atirá-los para fora. Vejam, esta é uma abertura por onde muitas coisas saem também. Tentem fazer isso funcionar. Olhem para a árvore com amor e constatarão que a própria árvore está lhes dando a alegria de sua criação. Porque vocês ficarão sem pensamentos.”






Assim como Cristo é a essência da criação, o filho é a essência de marido e mulher:
“Ele é o princípio da criação. O Tattwa, como eles O chamam em sânscrito. Ele é o Tattwa. Ganesha, que reside no Muladhara evolui gradualmente para ser Cristo neste estágio. Daquele Chakra vermelho (Muladhara) para cima até este Chakra (Agnya), Ele se tornou o Cristo. Ele é o princípio. Agora, o que é este princípio? Dentro de nós, qual é o nosso princípio? Podem dizer que é a Kundalini? Aqui a eletricidade é o princípio. Da mesma forma, a criação, na criação inteira, se vocês assim a tomarem, Ele é o princípio e o suporte desta criação. Ele representa a essência da criação. 

Por exemplo, podemos dizer que temos uma família, marido, mulher e o filho. Então o filho é a essência do marido e da mulher. Ele é a essência da família, da casa. A coisa toda é sustentada para ele, é criada para ele. Enquanto eles não tiverem um filho, não haverá sentido naquela casa, não haverá sentido para a vida deles. Mas quando eles têm um filho, então têm um significado. Do mesmo modo, Cristo é a essência, é o próprio Tattwa.”

Laços de amizade:
“Os amigos também são a mesma coisa. Que tipo de relacionamentos temos com nossos amigos? O que esperamos deles? Enviar-lhes um cartão de Natal e se eles não nos enviarem, nos sentiremos mal com isso? Não existem laços mais profundos, nós não vivemos com eles. Se vocês permitirem que nosso Si fique ligado a eles, eles ficarão vinculados a nós. É melhor que tentem isto. Tentem ficar ligados a eles. Não tenham medo de ninguém mais. Apenas tentem ficar ligados a outros e ficarão maravilhados o quanto eles vão lhes dar. 

Eu sou um exemplo vivo disto. Posso dizer a vocês que sou um exemplo vivo disto. Eu estou vinculada com todos vocês. Se alguém disser, “Mãe, quando a Senhora vai nos deixar?” Eu não posso, Eu não posso. Eu estou simplesmente ligada a vocês. Eu não quero simplesmente deixá-los porque Eu os amo demais. Como Eu posso deixá-los? É impossível para Mim. Então, o que Eu ganho com esta vida? Tudo que está neste mundo. O que vocês querem que Eu receba? Eu não posso nem mesmo contar o que Eu ganho com isso. Imensurável, o oceano. Eu mesma Me torno um oceano. Larguem suas ideias sobre sua própria liberdade pessoal e a liberação, é libertar a sua inteligência. Vocês estão liberando a sua própria sabedoria e a doçura e a beleza que nunca perecem, sejam vocês velhos ou jovens. Isso será seu.”
...

A Cruz de Cristo:

Cristo crucificou a Si mesmo. Por quê? Por quê, o que Ele fez? Ele roubou as pessoas? Hoje vocês têm milhares desses bandidos vindo aqui e roubando vocês. Ninguém os crucifica. O que Ele fez? Ele apenas desafiou o ego dos romanos e dos judeus, aqueles que estavam zangados com Ele e é por isso que foi crucificado. E nós temos de crucificar nosso ego agora através da cruz Dele.

Senão nós estaremos fazendo o mesmo novamente em nós mesmos, nós crucificamos o nosso Cristo dentro de nosso ser com o nosso ego. É um gesto muito simbólico de Cristo que Seu nascimento (tenha sido) no lugar mais humilde, em um lugar muito humilde. Ele nasceu no tálamo ótico, é o lugar onde está o cérebro, onde todas as atividades surgem e todos os tipos de problemas perseguem vocês, é lá onde Ele vive . Vocês têm apenas de despertá-Lo lá, de modo que seu ego seja crucificado de uma vez por todas. Mas Eu não acho que devam lutar com seu ego porque não é importante lutar.


Ego, Luz e Sombra:
Vocês estão lutando com sua sombra. Vocês têm a sombra chamada ego, que não é para ser combatido e ou para desperdiçarem a sua energia com ele. Não há necessidade de combatê-lo, a única coisa (que precisam fazer) é que se vocês ficarem no centro da luz, não veem nenhuma sombra em nenhum lugar. É simples assim. Se ficarem no centro da luz, que é Cristo, não verão nenhuma sombra em lugar algum. Mas quando Eu digo isso, posso parecer como outras pessoas que fazem sermões, “Fiquem na sombra de Cristo ou fiquem na luz de Cristo”. O que significa isto? Onde está esta luz ou onde está o lugar onde vocês devem ficar? O lugar é aqui – o centro de seu tálamo ótico, onde não há pensamentos. Vocês têm de ficar em consciência sem pensamentos. 

Ego e Superego:
...Mas há hesitação no Agnya por causa de seus modos desequilibrados. E esses modos desequilibrados são que algumas vezes vocês estão no ego ou no superego. Isso aconteceu com nossas pessoas no ocidente por causa de termos tido muito ego, aí ficamos realmente cansados disto. Nós ficamos amedrontados com isso. Então nos começamos a tomar drogas e coisas para aumentar o nossos superegos. Mas ao fazermos isto, o empurramos por um lado e o temos de volta pelo outro lado. É assim que nós estamos oscilando entre nosso ego e superego, o que não nos ajuda absolutamente. Assim o que temos de fazer é ascender internamente até o ponto do Agnya e tentar firmá-lo.
...
Cristo no Agnya:
Tudo que vocês determinam em seu Agnya será respeitado, mas o seu Agnya tem de ter Cristo lá. Porque vocês têm um grande apoio despertado dentro de vocês, o qual não existe aqui, mas dentro da cabeça de todo homem. É onipresente em todos os pequenos átomos e moléculas, está em todos os lugares no Sol e em todo lugar que vão. Está lá. Assim tentem desenvolver seu Agnya, que é a maestria de seu Si.

Aqueles que têm um bom Agnya podem ter a maestria de tudo e entender que a melhor coisa é comandar o seu Agnya do que a ideia de controlar coisas mundanas e seres humanos e controlar isto e outras artes e coisas . E vocês se tornarão realmente os mestres de si mesmos, com o qual vocês podem ter a maestria de muitas coisas.
E hoje, neste grande dia, quando estou desejando a vocês um Feliz Natal, Eu desejo que tenham o Agnya mais poderoso, de modo que as pessoas que vejam a sua testa saibam que Cristo renasceu dentro de vocês.