20 de fevereiro de 2014

Shri Vidya


Trechos do Discurso "O Problema do Ego", Caxton Hall, Londres, 22 de outubro de 1979
40': Vimeo
Definição mais simples (aura normalmente traduz o termo em sânscrito 'kosha'):
Soundcloud
Amruta

O ego e a desintegração da personalidade:
"O ego significa apropriação indevida. Vocês acreditam nele porque pensam que 'afinal eu tenho de ser alguma coisa, e eu fiz isso, eu fiz aquilo'. Mas na verdade o que acontece fisicamente é que, quando este balão se expande por toda a sua cabeça, a aura do cérebro normalmente envolve o coração, normalmente, mas quando há um problema de ego, então o ego envolve o coração. E quando o ego envolve o coração, o cérebro é desprendido do coração. Assim vocês se tornam uma pessoa não integrada, ou podemos dizer, desintegrada. 



Seu coração vai por um lado, seu cérebro para outro, seu corpo para um terceiro lado, suas emoções para um quarto lado. Isto é como se fossem quatro pessoas montando quatro cavalos, e é assim que vocês ficam completamente despedaçados. Quero dizer, é impossível sentar em duas cadeiras (ao mesmo tempo), mas se houver quatro cadeiras e duas pernas, é realmente uma façanha.


Brahmarandhra tapado pelo ego:
Então esse ego cobre a sua cabeça inteira, o inteiro Sahasrara que é mostrado aqui, a area branca fica coberta. Seu Brahmarandhra, a parte onde a Kundalini tem de perfurar, também fica coberta. É muito dificil, a coisa toda fica coberta e isso é pequeno aqui, essa fenda está aqui (Brahmarandhra). Aí então vocês não podem abrir a passagem aqui. Vocês tem de abrir a passagem aqui. 


Assim, isto tem de retornar e tem de subir pelo centro assim. Somente então a Kundalini pode subir.  O que acontece nesse estágio, vocês descobrirão que essas pessoas tem uma mão esquerda muito fraca, e uma mão direita pulsante. Assim, subam seu esquerdo e ponham no lado direito. Novamente subam seu esquerdo e ponham no direito e mais uma vez, dessa maneira vocês abaixam o ego . E uma vez que o ego se reduza, então a Kundalini sobe e a passagem vem para o meio, e então vocês sobem a Kundalini no centro. A Kundalini sairá e então vocês A amarrarão.

Shri Vidya:
Esse é Shri Vidya. Esse é o conhecimento de Shri, do Espírito Santo. Todos os outros conhecimentos, por exemplo, de onde vocês têm de sentar no protocolo, o que vocês são, é tudo avidya e insensatez. Lendo 'Quem é quem', Eu não sei no que vocês se tornarão, monstros ou talvez algum tipo de personalidade ao estilo Frankenstein. Isto é Vidya. Shri Vidya é o vidya secreto do Espírito Santo, pelo qual vocês equilibram seu ego com o superego, seu desejo e ação devem ser iguais, e então subam a Kundalini e amarrem-na.

Mahat Ahamkara (Grande Ego de Deus):
Nesses dias em que as pessoas eram almas realizadas, pessoas grandiosas, elas tentaram apontar os problemas do ego, falaram com vocês. Elas disseram, não devem ter ego; ego é a pior coisa, ninguém deve ficar identificado com o ego, e tudo mais. E tão logo eles disseram isso, as pessoas começaram simplesmente a descobrir como fazer isso, e assim fazendo, eles tornaram-se ‘grandes gurus’ – eles mesmos egoistas. 


O fato é que vocês não fazem nada, isso não é ego, mas é uma miragem do ego que receberam. Vocês realmente nada fazem – tudo é feito por Deus. Ele é o fazedor, Ele tem o grande Ego. O ego de vocês é somente uma cópia, feito artificialmente. Por exemplo, Ele cria as flores, e vocês fazem flores de plástico e dizem, 'Oh, nós criamos flores'. Ele faz tudo. É Ele que expressa o Seu ego, enquanto vocês sentem que fizeram alguma coisa.”