25 de outubro de 2008

Levando a Luz



Hoje é um dia de um grandioso acontecimento, Eu devo dizer. Celebrar o Diwali é algo muito, muito alegre. Mas, essa alegria não é para nós; essa alegria é para o mundo todo. Temos que trabalhar para o mundo todo. Trabalhamos para nós próprios, para nossos empregos, para nosso dinheiro, seja o que for, mas o que estamos fazendo pelos outros?

Isso vocês têm que ver por si mesmos e isso é muito importante. Somente tais pessoas são úteis na Sahaja Yoga, porque eles estão preocupados, eles cuidam e eles estão fazendo alguma coisa pelos outros. É um grande regozijo com isso, quando as luzes estão queimando. É para dar felicidade a vocês; elas (as luzes) estão queimando seus corpos para dar-lhes a felicidade. Elas são aquelas que deveriam nos ensinar que nós próprios temos que fazer alguma coisa para desfrutar de nossa elevada consciência. ...



Agora como está, qual é o objetivo afinal, qual é o propósito de nossas vidas? Temos que mudar o mundo todo para um tema (ambiente) pacífico. Mudar a si mesmo, claro, é uma grande coisa, sem dúvidas; mas mudar os outros também vai parar os problemas do mundo. Se todas as pessoas deste mundo se tornarem pessoas boas, então vocês podem imaginar o que vai acontecer? Pense nesse sonho que Eu tenho, que nós precisamos mudar cada pessoa que pudermos mudar e temos que transformá-las em pessoas boas. Se elas não forem transformadas, elas serão como velas sem chama alguma. E se elas são capazes de serem transformadas, nós deveríamos tentar todos os métodos, todos os truques para fazer isso. Eu tenho certeza de que, muito em breve, chegará o dia em que vocês dirão "Mãe, nós estamos muito seguros". Não pensem sobre o passado e os problemas do passado - vocês agora superaram isso. Apenas desfrutem de si mesmos e tenham fé em si mesmos e façam isso acontecer. Eu estou certa de que muito em breve isso vai acontecer, isso vai acontecer muito rapidamente. Esse é o seu desejo, também seu método de fazer isso acontecer, seu anseio para fazer isso acontecer. O principal anseio deveria ser "Como eu posso transformar esta pessoa?". Vocês podem transformar qualquer um. ...

Uma senhora casou-se na Sahaja Yoga e ela escreveu para Mim dizendo "eu estava divorciada há oito meses atrás", ou nove meses atrás, algo assim. "E todos meus parentes agora estão dizendo 'Por que você foi se casar na Sahaja Yoga?'. E todos estão criticando a mim e à Sahaja Yoga". Eu disse "Quem pediu a ela para se casar?". Eu nunca pedi a ela. E agora o casamento se tornou a coisa principal para ela, pois "toda minha família está dizendo...".

O que eles fizeram para a Sahaja Yoga? Se esse casamento não der certo, então eles vão falar que há algo de errado com a Sahaja Yoga. Deixe-os falar! Não somos comprometidos dessa forma. Todo o tempo Eu digo a vocês para não me escreverem por (problemas de) sua mãe, pai, este ou aquele. Se vocês não souberem como curá-los, melhor desistir da Sahaja Yoga. Vocês podem curá-los, vocês podem resolver por si mesmos. Mas, vocês devem prestar atenção nisso, são tantas cartas diariamente para Mim. Eu perguntei a eles "Seu pai está na Sahaja Yoga?" "Não." "A mãe?" "Não". "Irmão?" "Não. Ninguém." Então porque vocês estão me perguntando? Que relação Eu teria com eles? Eles não são Sahaja Yogis. Eu só sou responsável por Sahaja Yogis. Eles não são Sahaja Yogis, então por que vocês querem Me incomodar? É impossível de entender.

Na Sahaja Yoga supostamente você atinge a Realização do Si, tudo bem. Então, aqueles que quiserem ter a Realização do Si, vocês podem dá-la e estabilizá-los apropriadamente. Mas, em vez disso, (atraem Minha atenção para) alguém que está divagando por aí, pessoas que estão chegando em um aeroporto para certo lugar, todos os tipos de coisas - tudo isso é realmente enlouquecedor e enjoativo. Eu não me preocupo. Vocês também não deveriam se preocupar. O que vocês devem fazer é ver que essas pessoas, que estão reclamando sobre isso, devam vir para a Sahaja Yoga. E vocês tem que dizer a elas "Porque vocês não estão praticando a Sahaja Yoga, é por isso que anda tudo errado", ou "Aquela pessoa não pratica a Sahaja Yoga, é por isso que este problema está assim. Nós estamos bem, nós somos pessoas felizes". Porque a Sahaja Yoga é aberta, então qualquer um pode vir. Eu gostaria de pedir no dia do Diwali que vocês prometessem a si mesmos "Eu não vou gastar minhas energias com pessoas que não são Sahaja Yogis". ...

Recentemente houve uma grande discussão sobre o comportamento islâmico das pessoas. Nós não somos cristãos ou islâmicos ou qualquer coisa. Não somos; porque vocês não podem se colocar em uma pequena arena e dizer "Eu sou um Sahaja Yogi, mas eu sou um Cristão". Vocês não podem. Vocês têm que desistir dessa margem (mistura). Vocês são Sahaja Yogis de uma ponta a outra (completamente) e todas as outras coisas insensatas não pertencem a vocês.

Eu tenho visto muitos muçulmanos também vindo para a Sahaja Yoga, mas desses muito poucos são realmente Sahaja Yogis, no sentido real da palavra. Então vocês começam a ver os defeitos em sua comunidade, na tão chamada religião a que você pertence, seja qual for, vocês verão. E definitivamente vocês tentarão corrigi-las, se vocês os amam - ou vocês desistem. Estas (vocês) são pessoas especiais, especialmente selecionadas para uma causa muito especial e vocês não podem desperdiçar suas energias em coisas pequenas e insensatas. Isso é algo que vocês devem saber.

Neste dia do Diwali vocês têm que saber que vocês tem que queimar a si mesmos para que a Luz do Divino se espalhe para todos os cantos.


S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, excertos do Diwali Puja 2001, Lake Piru, USA