26 de janeiro de 2009

Infância de Jesus Cristo

Sua infância não foi descrita em nenhum lugar, o que é muito triste.

Foi somente Cristo que falou sobre Deus naquele tempo, quando era além do que eles queriam, eles não queriam falar sobre Deus Todo-Poderoso. Ele era uma pessoa querida, nunca tinha medo de nada, nenhuma dúvida, mas Sua infância não foi descrita em nenhum lugar, o que é muito triste.

Temos uma linda descrição da infância de Shri Krishna e também de Shri Rama. Exceto que uma vez ele foi questionado por alguns fariseus e quão inteligente Ele foi e todos ficaram boquiabertos com Seu discernimento. Isso é tudo. Nada mais. Mas, mais tarde, embora eles não tivessem mostrado nenhum respeito por Maria, as pessoas não puderam evitar. Elas disseram “Tem que haver alguma Devi, alguma Deusa. Como Cristo nasceu Dela?”. Então elas a chamaram de “Madonna” e foi assim que a Mãe Maria foi chamada de Madonna – significa donzela, virgem. E essa Madonna começou a ocupar lugar em todas as igrejas e as pessoas A consideraram como a Deusa.
(S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, Puja de Natal, Ganapatipule, 25/12/1993)

Ele era um pequeno menino naquele tempo, sem dúvidas, ma Ele era uma pessoa do Divino

Ele era um homem muito simples e pobre, filho de um carpinteiro. E, para Ele, o dinheiro não era nada, uma coisa absolutamente inútil. Para ele o Espírito era tudo. E Ele pregava e dizia às pessoas que “Vocês têm que ter o despertar espiritual. Isso é muito importante. Tentem entender que há vida além disso tudo e que vocês deveriam tirar os melhores resultados desta vida, que vocês estão apenas desperdiçando”.

Ele era tão inteligente e da forma como Ele discutia com aqueles grandes padres da igreja sobre a religião e tudo aquilo, é impressionante como um pequeno menino poderia entender tão profundamente sobre religião. Ele era um pequeno menino naquele tempo, sem dúvidas, mas Ele era uma pessoa do Divino, criado pelo Divino. Ele era Ganesha. Ele é o AUM. Ele é o conhecimento, tudo”.
(S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, Puja de Páscoa, Turquia, 22/4/2001)

Ele era tão confiante que, na idade de doze anos, foi falar com os fariseus

Então, a primeira coisa de Shri Ganesha é o conhecimento e esse conhecimento vocês vêem na vida de Cristo, desde o mais tenro início. Ele era tão confiante que, na idade de doze anos, foi falar com os fariseus, significa as pessoas que eram os padres. Ainda temos padres e mulás e esses bhutjees e todos os demais, aqueles assim chamados darvamatandas por todos os lugares. Mas, Ele foi e os questionou naquela idade jovem e disse “O que vocês estão fazendo aqui? O que é isso? Sobre o que estão falando? Tudo da boca para fora”. Ele discutiu e falou a eles, mas talvez Seus pais estivessem receosos de que aquelas pessoas poderiam matá-Lo, então eles O trouxeram para a Índia.
(S.S.Shri Mataji Nirmala Devi, Puja de Natal, Ganapatipule, Índia, 1992)

Texto original