7 de abril de 2011

História de Shri Vishnumaya

Yeshoda, esposa de Nanda, embora desejasse muito ter filhos, não conseguia engravidar. Na mesma época em que Devaki, esposa de Vasudeva, engravidou de seu oitavo filho (Krishna) - que seria o redentor do clã dos Yadavas e restaurador do Dharma – Yeshoda também ficou grávida, pela primeira vez, para sua grande felicidade.


Yeshoda deu à luz ao mesmo tempo que Devaki. Seu parto foi muito difícil e doloroso e após o nascimento da criança (que era Vishnumaya), ela desfaleceu. Rohini (outra esposa de Vasudeva) foi a parteira de Yeshoda e a única mulher presente no parto. Assim que essa criança nasceu, uma menina aparentemente frágil, ela foi trocada por Krishna e levada para os braços de Devaki.

Quando Kamsa soube que o oitavo filho de Devaki havia nascido – aquele que, segundo uma profecia, o mataria – ficou bastante surpreso ao saber que se tratava de uma menina e não de um varão. Kamsa ficou imaginando se uma menina poderia matá-lo. Imediatamente, Kamsa dirigiu-se à prisão de Devaki e, aos gritos, pediu para ver a criança recém-nascida. Vasudeva argumentou: “Kamsa, trata-se de uma garota e não de um varão. Por que motivo você a mataria?” Kamsa replicou: “varão ou não, essa criança deve morrer”. Kamsa aproximou-se do berço no qual a menina dormia. Devaki, com lágrimas nos olhos, implorou a Kamsa: “meu irmão, por que razão você se comporta de forma tão cruel? Deixe, pelo menos, que essa menina possa viver. O que poderá esse pequeno ser fazer contra um príncipe tão poderoso como você? Kamsa, sem nada dizer, tirou a criança do berço segurando-a pelas pernas de cabeça para baixo. Subitamente, ele sentiu uma grande insegurança e suas mãos começaram a tremer. Embora segurasse a criança com firmeza, esta escapou de sua mão. Seguiu-se um grito estrondoso, lancinante e terrível, sendo que a criança voou em direção à parede.

Kamsa sentiu como se o quarto estivesse girando e tudo ficou escuro. Kamsa estava saindo cambaleando do quarto, quando ouviu uma voz sobrenatural que lhe disse: “o seu destruidor já nasceu e se encontra, em total segurança, num outro lugar”.

Por isso, Vishnumaya é considerada como irmã de Krishna, porque é filha de sua mãe adotiva e teve, por algum tempo, Devaki como sua mãe. A vinda dela teve como objetivo exclusivo salvar a vida de Krishna, o futuro restaurador e preservador do Dharma.

Shri Mataji fala sobre a origem de Vishnumaya:
“Vishnumaya era irmã de Shri Krishna e nasceu após o nascimento de Shri Krishna. Ela não era, de fato, irmã de Shri Krishna, pois era filha de Nanda. Quando Shri Krishna foi retirado de sua mãe e posto aos cuidados de Nanda e de Yeshoda, estes deram a sua própria filha em seu lugar e o pai de Shri Krishna a levou para Devaki. Assim, quando Kamsa chegou – é claro que vocês conhecem essa história – e perguntou pelo oitavo filho de Devaki, disseram-lhe que aquela era a filha de Devaki. Kamsa disse que a criança não era um varão, mas sim uma menina.
Kamsa pegou a criança e jogou-a para cima em direção ao céu. Para cima, ela foi e de lá ela anunciou que Shri Krishna já estava encarnado, que estava vivo e que seria o aniquilador de Kamsa”.


Fonte : Apostilas da Sahaja Yoga