19 de junho de 2011

O Significado do Puja


S.S.Shri Mataji Nirmala Devi,Puja de Shri Ganesha, 22 de agosto de 1982, Genebra, Suiça

Tudo bem. Primeiro, Eu gostaria de lhes falar sobre o significado do Puja. Há dois aspectos:


Divindades:
Um é o aspecto no qual vocês obtiveram as suas próprias Divindades dentro de vocês mesmos. E essas Divindades devem ser despertadas dentro de vocês.
As Divindades são os diferentes aspectos de um Deus único. Então, por um lado, vocês têm as Divindades, significa os aspectos de Deus, que estão o tempo todo despertos. Por outro lado, vocês têm suas próprias Divindades, que algumas vezes estão despertadas, algumas vezes meio despertadas, algumas vezes adormecidas,algumas vezes doentes.

Então vocês têm que usar dois métodos: um é agradar as Divindades de Deus
e pedir-Lhes para abençoarem suas Divindades ou pedir para despertarem suas Divindades.





Flores :
Assim, fazendo o Puja, significa que quando vocês oferecem algo
que trouxeram para oferecer, qualquer coisa que vocês ofereçam, por exemplo flores, se vocês quiserem oferecer flores a Deus,vocês não têm que dizer nada, vocês têm que simplesmente oferecê-las, “Isto é para Você.”

Qualquer um pode entender o oferecimento, quer dizer que para isso, vocês não têm que ter nem mesmo uma língua. Mesmo se um homem cego estiver lá, se ele quiser lhes dar algo, ele pode simplesmente lhes oferecer assim. E essa expressão é suficiente para qualquer um ser convencido de que pode oferecer isso. Vocês não têm que dizer nada sobre isso. Assim, agora, quando vocês oferecem uma flor a Deus, mesmo que vocês não digam um mantra, ela é oferecida, tudo bem, está dada. Mas, se ela é aceita ou não é a questão. Mas agora, quando você é uma alma realizada e oferece algo, isso pode ser aceito por Deus, mesmo que você não diga nada.



Recompensas :
Mas, e quanto a você ter alguma recompensa por isso? Depois da Realização, quando você oferece alguma coisa a Deus, Ele aceita, porque está vindo de uma Alma Realizada. Então Ele aceita. Agora, como nós somos abençoados por Ele ao oferecer uma flor a Deus? Agora, se você não disser nada sobre isso, você apenas oferecer uma flor, então você pode ser recompensado com muitas flores na vida automaticamente. Ou quaisquer que sejam as coisas materiais que você ofereça, você pode ser abençoado materialmente. Então, de uma maneira mais sutil, se você disser algo, assim como você diz ao oferecer a alguém, daquele jeito humilde de dizer: “Eu ficarei feliz se Você aceitar isto”, ocorrerão resultados ainda mais sutis disso talvez, os quais podem ser mais amplos, talvez mais profundos.

Agora, vocês fazem algo simbólico, que é a verdadeira essência, o princípio de algo, como as flores são… elas representam o princípio da Mãe Terra. Agora, assim, o simbolismo de todas as coisas que nós podemos oferecer a Deus tem sido objeto de reflexão e tem sido descoberto.


Panchamruta :
Assim, eles usam cinco coisas(ghee,leite,mel,iogurte,açúcar), chamadas de Panchamruta, como nós temos aqui. Porque se você atingiu o princípio, então você realmente atingiu o todo. Porque o bem-estar espiritual é um bem-estar total. Não é apenas parcial: o seu bem-estar material ou o seu bem-estar físico ou seu bem-estar emocional ou o seu bem-estar mental, é o bem-estar total, completamente equilibrado dentro da totalidade.


Arroz e Açafrão :
Agora, quando você oferece essas outras coisas, como o que vocês chamam de Akshadas, nós os chamamos... como vocês o chamam? Açafrão, arroz com açafrão, vejam, essa coisa amarela. Quando vocês oferecem isto, a cor amarela é a do Swadisthana Chakra. E o arroz é muito apreciado por todos os Deuses.
Agora, há um truque nisso, porque é um truque humano. Os Deuses gostam muito disso. Então, eles colocam açafrão no arroz, isso significa: “Nós Lhe oferecemos um arroz que está colorido de amarelo”, significa: “Você deveria nos dar as bênçãos da criatividade.” Quando vocês comerem esse arroz, mais criatividade fluirá e seremos abençoados por aquela Divindade. É um truque. Tudo do Puja é um truque dos seres humanos santos, vejam, como agradar Deus para proporcionar mais bênçãos. Mas seja o que for que Deus goste, deve ser auspicioso e sagrado. Assim, fundamentalmente, isso funciona por causa da santidade dos santos e do coração puro deles.


Não é para Não-Realizados :
Agora, o Puja não pode ser feito por uma pessoa que não é uma alma realizada. Uma pessoa que prega também tem que ser uma alma realizada, aquele que faz namaz tem que ser uma alma realizada, aquele que ora tem que ser uma alma realizada.


Utensílios :
Assim, todos os utensílios que são usados devem ser, de certo modo, venerados.
Esses utensílios devem ser coisas sagradas, devem ser coisas respeitadas. Vocês não podem usar qualquer coisa, digamos, vocês estão usando algo no banheiro e usam a mesma coisa para o Puja, isso é um absurdo.


Ghatah :

Três coisas são muito importantes, uma é ghatah, significa vaso, recipiente, o recipiente que contém a Kundalini, o recipiente que contém o desejo primordial dentro de nós de alcançar Deus é o primeiro a ser venerado, o nosso desejo. É Ghata, é aquele feito aqui.


Elementos: 
Água
Shriphala

E no topo é chamado de shripala. Shriphala significa que isso também tem água nele, vejam, significa que este coco tem, isto é, isto representa, o coco representa a mesma coisa. Agora, na forma mais sutil, isto é a água de todos os rios do mundo, rios. E o coco é a água de todos os oceanos. A água do oceano ou do mar se eleva através do tronco do coqueiro, e se torna a água doce no coco. É uma coisa simbólica. Então este é o vaso chamado ghatah-puja, este é o ghatah-puja.




O Som : 



Agora, Eu não quero entrar em detalhes hoje, porque nós temos que falar sobre Ganesha. O mesmo... Agora isto é a água, tudo bem. Depois nós temos que venerar mantra e shankar, estes dois estão representando o som. A concha. Na verdade, o shankar representa o éter.



A Luz :

Depois nós temos o deepa, significa o quê? É a luz, representa o elemento luz, chamado de tejas.








O Ar :
Normalmente também, eles dão para a Deusa um leque, que representa o elemento ar.

Assim, é deste modo que todos os cinco elementos são agradados de antemão, usando-os. Então elas, as essências destes elementos ou as essências causais destes cinco elementos devem ser agradadas neste momento, devem estar dando suporte ao puja.

Agora, há também todos os tipos de outras coisas, como as divindades da sua família. Vocês podem estar venerando em sua família algumas divindades. Elas não devem ficar também perturbando o puja; ou talvez os antepassados que estão mortos. Todas essas coisas devem ser aquietadas, de modo que deve ser dito a elas: “Este é um puja assim e não nos perturbem neste momento.” Significa que nem mesmo os pensamentos devem surgir, os pensamentos deles ou qualquer perturbação deles. Então, tudo deve ser primeiramente feito em paz.

Agora, este é um aspecto sobre o qual Eu lhes falei resumidamente, porque é um assunto muito longo. Se Eu tiver que falar sobre isso, Eu terei que falar pelo menos três vezes e por três horas em cada vez, ainda assim, o assunto pode não terminar.


Mantras :
Agora, nós chegamos ao segundo aspecto, sobre o qual Eu lhes perguntei: como vocês se beneficiam com isso? Então, independentemente desta técnica, para ter o melhor efeito das bênçãos ou o melhor fluxo de graça dentro de nós, nós recitamos mantras. O som dos mantras, o som, o som ecoa dentro do Ser de Deus. E eles são reverberados em nossos chacras, e depois os chacras começam a se abrir mais. Assim o fluxo da Graça de Deus é recebido. Mas somente uma alma realizada deveria entoar um mantra. Porque sem conexão, como isso alcançará Deus? É um círculo vicioso.

Agora, alguém pode dizer: “Mãe, não se pode ter a Realização a menos e até que você obtenha a Graça de Deus. E os chacras não serão abertos por uma pessoa que não é uma alma realizada. E sem abrir os chacras, não se pode ter a Realização.” É deste modo que o jogo da Mãe entra em ação e de todos os santos, como vocês. Eu diria que os Sahaja Yogis têm que quebrar esse círculo vicioso. Vocês mesmos têm que elevar a Kundalini. Uma vez que vocês elevem a Kundalini, a Kundalini abre um pouquinho os chacras, porque vocês deram as suas vibrações aos chacras. Assim, uma vez que Ela saiba que há um Sahaja Yogi diante do buscador, Ela se eleva. Ela sabe que vocês são seus irmãos e irmãs, e que pertencem a mesma família assim como Ela. Ela conhece o solo onde Ela deve crescer, vejam, então Ela pode sentir isso, e então Ela se eleva em Sua dignidade. É desse modo que Ela quebra esse círculo vicioso.

É por isso que no começo, nós não lhes falamos sobre os mantras, porque nos mantras, vocês têm que Me aceitar como a Divindade. Neste Meu advento, é obrigatório que vocês Me reconheçam, porque esta é uma época muito instável, o Tempo da Ressurreição, nos podemos chamá-la assim, ou o tempo do Juízo Final.

 Primeiro, a Realização tem que ser dada sem nenhum reconhecimento. Mas não para aqueles que estão negando ou Me insultando. Sob quaisquer circunstâncias, eles não podem ter a Realização, seja o que for que vocês possam tentar. Mesmo depois da Realização, se as pessoas começarem a pensar contra Mim, as vibrações cessarão por causa do Sahasrara. E o coração tem que estar completamente em uníssono, em harmonia Comigo, senão o Sahasrara é fechado.


Coração Aberto:
Agora, aquelas pessoas que são simples, de coração plenamente aberto, vejam, essas pessoas Me entendem muito bem e elas simplesmente Me colocam no coração delas. Depois da Realização, depois de passar pela compreensão da Sahaja Yoga através da atividade mental deles, também os intelectuais Me entendem e Me reconhecem de um modo um pouco tortuoso. Depois do puja, quando eles recebem as bênçãos em um estado de muita bem-aventurança, eles alcançam. Então eles compreendem o valor do puja também, mais tarde.


Compreensão Mental :
Agora, na Índia, onde o sistema de puja surgiu tradicionalmente e tem se mantido bastante, eles o entendem sem nenhum processo mental. Mas quando eles encontram alguém, um intelectual que se tornou um Sahaja Yogi, vejam, eles não os compreendem. Eles não querem ouvir sobre isso, toda a conversa fiada de todo o movimento do cérebro. E alguns deles que tentam, vejam, um pouco ocidentalizados, eles tentam. Eles desenvolvem um complexo de inferioridade e vão para o canal esquerdo.

Mas, não há nenhuma necessidade de entender isso com a mente, quero dizer, o tempo todo analisando através de seu processo mental, e depois entender tudo, e depois tornarem-se Sahaja Yogis como o coração aberto, é muito tortuoso. Mas o que fazer? Eles foram por esse caminho, então eles têm que vir por esse caminho. Porque mesmo que eles se tornem Sahaja Yogis, eles começaram a questionar e a pensar sobre isso, e preocupar-se com isso. Assim, as pessoas falsas simplesmente os hipnotizam e tiram proveito dessa hipnose.
Assim, não devem se sentir mal. Se vocês têm, se vocês têm vontade de analisar, vocês devem ir em frente com isso, porque Eu não posso deter a sua velocidade, Eu não irei hipnotizar vocês.


Vibrações :
Na Sahaja Yoga, a liberdade deve ser respeitada. Mas nós não permitimos que venham ao puja pessoas que não atingiram uma certa compreensão mental da Sahaja Yoga, pessoas do ocidente, não na Índia, mas aqui, há uma restrição. Porque vamos supor, na Índia, Eu não explico para eles, eles não querem saber. Eles sabem que eles obterão as vibrações. Eles já sabem sobre as vibrações, então Eu não tenho que lhes dizer: “Vocês obterão mais vibrações.” Se eles obtêm mais vibrações, eles sabem que Eu sou a Adi Shakti, isso é tudo. Eu não tenho que explicar isso. Assim como vocês podem distinguir qual é o melhor vinho, eles podem distinguir quem é a pessoa verdadeira.


Os Pés de Lótus :
Outra coisa é que no ocidente, Eu nunca costumava fazer o panchamruta com Meus Pés, mas sim com Minhas Mãos, porque aqui as pessoas pensariam: “Os pés são uma coisa suja e nós não deveríamos tomar isso dos pés”, vejam. Mas na verdade, os Pés são muito poderosos e eles nunca podem ser sujos.
Assim, devemos entender que tudo que for puro, que for responsável pela pureza, que for a fonte de pureza, pode limpar qualquer impureza. Então, como isso pode ser impuro? Mas se você pensar sobre isso com o cérebro, ele é tão limitado que você não pode pensar em algo que é simplesmente a corporificação da pureza.


Grama no Puja de Shri Ganesha :
No Puja de Shri Ganesha, vocês devem trazer grama macia também, por causa de durvah, Ele gosta muito de durvah, isso é chamado de durvah, porque a grama macia é calmante para os olhos. Não somente isso, mas ela lhes dá a parte verde do Swadisthana Chakra. Porque Ele existe quando nós não começamos a pensar, quando vocês não começaram o processo do pensamento. Isso sugere que parte do Swadisthana, quando vocês não estão pensando, a parte verde dele, a parte inferior do Swadisthana é verde.
Lenda sobre Shri Ganesha e a Grama Durvah


A Essência do Puja
Trechos do discurso "Letargia: O que há de mais anti-Deus", Ashram de Chelsham Road, Londres, Reino Unido, 27 de setembro de 1980
A essência do puja é também de superar nossa vulgaridade material. O puja nada mais é do que a superação de nossa grosseria material. Quando nós queremos ter algo material para nós mesmos, devemos saber que isto foi dado a nós por Deus. Tudo pertence a Deus. Ao supor que damos flores para Deus, afinal elas são a própria criação de Deus, o que estamos dando? 

Luz:
Nós mostramos luz para Deus ou fazemos ‘aarti’ para Deus. O que? É luz de Deus somente, o que fazemos? Ao mostrar luz para Deus, o que fazemos é venerar a luz dentro de nós. O elemento luz fica iluminado dentro de nós. O elemento luz está aqui no Agnya. Quando vocês fazem ‘aarti’, ou quando vocês colocam luz na frente de Deus, quando vocês mostram luz para Deus, o elemento luz dentro de vocês fica iluminado. 

Flores:
Quando vocês dão flores, o Muladhara fica iluminado. Quando vocês oferecem mel, então sua atenção fica iluminada. Quando vocês dão mel, então a sua atenção fica iluminada.
Assim, por quê damos isso para Deus, pois Deus não precisa de nada.Mas Deus é o apreciador. Vocês não são apreciadores, não podem apreciar. O apreciador é Deus. Quando Deus está dentro de vocês apreciando, isto é o Espírito. Assim, qualquer coisa que agrade seu Espírito costuma ser dado no puja. 

Arroz:
Vocês dão arroz – todas essas coisas foram descobertas – se vocês derem arroz para a Devi, deve ser colocado no colo Dela. Agora, o que é arroz, um pouquinho de arroz para a Devi? É a iluminação da satisfação em vocês ao receber comida ou a comida que dá a vocês a satisfação.
Mas isso não significa que comecem a mostrar coisas para Mim, não significa isso. O que estou tentando dizer é que façam isso com dignidade e entendimento... Dar arroz – estas pessoas não entendem, porque arroz tem de ser dado para Deus? Afinal de contas por que dar a Ele folhas de palmeira? O que Ele fará? Se Cristo era o Filho de Deus, qual o objetivo de oferecer folhas de palmeira para Ele? Ou de dar a Ele óleo, banho de óleo ou massagear os pés Dele com óleo?
É para vocês receberem a vantagem. Agora, na Sahaja Yoga isto está provado. Quando vocês massageiam Meus pés, vocês se sentem melhor, não Eu. Vocês massageiam Minhas mãos, vocês se sentem melhor. Quando vocês se curvam aos Meus pés, vocês se sentem melhor. ...
Flores:
Quando Me dão flores, elas lhes dão duas coisas, Swadishthana e  Muladhara. Por isso as flores são muito importantes. Se as flores são bonitas, estas curam-lhes o Swadishthana, se são perfumadas, elas curam seu Muladhara. Quero dizer que não há limites para as flores também. Mas pensem sobre isso, o que estão fazendo para melhorar os seus chakras.
Ghee:
Então outras coisas que são usadas, como o ghee. O ghee é para o Vishuddhi. Shri Krishna gosta muito de ghee e manteiga. Assim, quando vocês massageiam Meus pés com manteiga, seu Vishuddhi melhorará, sabem disto. Não o meu, Eu não tenho problema. Eu tenho apenas um problema, é que vocês estão dentro de Mim e quando vocês têm problemas, Eu tenho problemas. Porque estas vibrações têm de ir a vocês. Assim Eu preparo vibrações aqui como um antídoto e elas não fluem. É uma coisa muito sutil de entender.
Prasanna:
Para moverem-se do grosseiro para o Espírito, esta é a coisa pela qual vocês se movem, porque primeiro vocês iluminam seus chakras. Por iluminar seus chakras, suas divindades ficam felizes, prasanna. Por fazer as divindades felizes, vocês ganham uma passagem para a Kundalini passar.



Por abrir uma passagem para a Kundalini, Ela sobe, e então a sua atenção começa a se tornar unificada com o Espírito. É passo a passo, vocês movem-se da matéria para a matéria sutil, da matéria sutil para seus chakras, dos chakras para as divindades, das divindades para o Espírito. Aí o Espírito aprecia a Si mesmo. Assim, lá vocês não têm de fazer nada. Simplesmente deem seu Espírito para o Espírito.