7 de março de 2012

O Crescimento Interno



Trechos da Palestra de S.S.Shri Mataji Nirmala Devi em Brahmapuri, Índia, em 27 de dezembro de 1985


O Crescimento Interno e o Puja:
[...]Agora, a segunda coisa é o Puja. O Puja tem o seu efeito sobre todo mundo, mas de acordo com a profundidade de vocês. E é para isso que vocês têm que ter shraddha, fé. Se sua mente ainda está pensando, você não pode alcançar muito no Puja. Enquanto para os indianos, participar de um puja é o mais elevado. Eles não se importam com Minha palestra, com nada. Se eles perdem o programa, não importa. Qualquer programa musical está ótimo, qualquer tipo de desconforto está ótimo, contanto que eles possam participar do Puja.

Hoje, as pessoas percorreram de 300 a 500 quilômetros para vir a este puja, todo esse caminho, porque eles sabem que esse é o conhecimento das raízes. Para isso, vocês têm que fazer o puja. Se vocês têm que ascender, vocês têm que fazê-lo. Mas vocês ainda estão no mesmo nível. Se vocês ainda estão pensando sobre o estilo da árvore, então vocês irão para baixo. Para mover-se para dentro, vocês têm que ter todos esses instrumentos. Um deles é o puja.

Nós estamos preparados para o puja? Nós estamos com este modo de pensar de que seja qual for a hora que ele tiver que começar, irá começar?

Agora, a atenção deve estar em como nós estamos. O que estamos fazendo em relação a nós mesmos? Isso é muito importante. Até que ponto nós alcançamos. Mas, pelo contrário, a atenção é perturbada por muitas coisas. Uma delas pode ser os casamentos, que os casamentos têm que acontecer, o que vai acontecer e tudo mais. Mas no momento do puja, isso não tem nenhum sentido. Nada tem importância, a não ser desenvolver-se e isto é o que tem que acontecer: nesse momento, você tem que desenvolver suas raízes. E desenvolver suas raízes, é uma ciência completamente diferente.

Crescimento Externo e o Materialismo:

Uma outra coisa, é que você pode atingir o movimento da árvore pela agressividade, pela agressão. Mas quando você agride dentro da mente humana, então você é arrastado mais em direção ao Muladhara, em direção à força da gravidade, e você afunda em direção à morte. O materialismo começa a surgir. Porque é invertido, o crescimento humano é invertido. Você sabe que o cérebro está aqui, não nos pés. Começa do cérebro, o crescimento começa do cérebro. Como vocês sabem do mesmo modo que os médicos, a coisa toda está aqui e os nervos vão para baixo, eles não começam dos pés. Assim, quando você começa a colocar sua atenção em seu crescimento externo, você vai em direção ao materialismo, automaticamente. Então você descobre que a matéria não tem nada a ver, você fossilizou a si mesmo. Então, depois você retorna.

Agora, você tem que mudar sua atitude completamente em relação a esse novo aprendizado e esse novo aprendizado é: você tem que desenvolver uma atitude humilde, em primeiro lugar. E em segundo lugar, o que obteremos em nossa ascensão através do aprendizado do diferente tantra, do mecanismo, do mecanismo divino? Como trabalhá-lo?

Eficiência Espiritual:
A pessoa que é extremamente eficiente em outro campo pode tornar-se completamente ineficiente nesse campo, totalmente inútil: possuída, agressiva, inútil, irascível e também desprovida de qualquer amor, afeto, compaixão.

Não achem que por criarem rádios e todas essas coisas, eles são felizes. Eles são todos loucos. Eles sentam-se em frente à televisão, depois não podem ficar sem ela, eles tornam-se “televisões”. E a televisão os está explorando, colocando ideias erradas na cabeça deles e eles sofrem lavagem cerebral, eles são muito condicionados. Os indianos não conseguem acreditar nisso. Eles não conseguiam acreditar que as pessoas pudessem ser tão cruéis assim no Ocidente. Porque o crescimento está direcionado ao materialismo, então eles estão se tornando grosseiros, insensíveis, imorais e também desprovidos de qualquer compaixão e amor.

Somos todos um:

Assim, seja o que for que pensemos agora que funciona nos três níveis, tem que ser mudado. Aqui, todas as coisas tornam-se unificadas, sintetizadas. A árvore inteira está sintetizada em uma semente. Portanto, se você tem que se tornar a raiz, você deve descer para a posição em que há como sintetizar. Agora, formar grupos é uma coisa errada. Se vocês se agruparem como ingleses, isso, aquilo, ou como indianos ou como qualquer coisa, é errado. Na Sahaja Yoga, nós não acreditamos em tudo isso.

Não existe nenhuma diferenciação entre um Sahaja Yogi e outro Sahaja Yogi, porque é Vishwa Dharma. Mas nós dizemos que este é o Vishwa Dharma, mas ainda não estamos fora dessa diferenciação, nós ainda não estamos na mesma grande tenda que deveríamos estar. Nós ainda nos separamos, nós ainda somos diferentes, nós ainda temos conflitos de um país com outro. Nós todos temos que nos tornar unificados um com outro, compreender um ao outro, somente então os problemas do Ocidente desaparecerão.

Como resultado desse movimento do lado direito, Eu percebo que as pessoas estão realmente se tornando idiotas. Eu as categorizo como idiotas ou estúpidas, e tudo isso. Quero dizer, Eu não sei como, em qual categoria elas cairão mais tarde, considerando que não houve tais categorias antes. Quero dizer, elas podem formar uma nova dimensão de estupidez. Isto é o que Eu percebo: a menos e até que vocês agora aprendam sobre esse novo yantra, o novo método, nisso, vocês não olham para o conforto físico, vocês não olham para o assim chamado “mimo emocional”.

A Essência é Inocência:

Todas essas coisas, vocês não consideram, mas aonde vocês vão? Em direção à inocência. A qualidade da matéria em si mesma é a inocência, a essência. Assim, a qualidade, Eu devo dizer, ou a essência de tudo é o que vocês se tornam. Vocês se tornam a essência. Mas para isso, vocês têm que se mover para dentro e o movimento para dentro somente é possível quando vocês compreendem e respeitam isso, e consideram-se privilegiados por poderem fazer tudo isso.

Assim, da mesma forma, nessa nova vida em que estamos entrando, nós devemos entender que o exterior não é importante, o interior é importante. E para isso, seja o que for que deva ser feito externamente, nós temos que fazê-lo, nós temos que fazê-lo.

Por exemplo, nós dizemos que aqui nossos cientistas são pessoas corajosas porque eles estão tentando aprender a ciência, eles querem ir para fora do país e aprender sobre ela e trazer algum conhecimento científico para nós. Da mesma maneira, agora vocês são os embaixadores de todos esses países, da divindade, embaixadores da divindade. Vocês têm que levar o conhecimento do divino, porque isso tem funcionado neste país. A medida que vocês puderem ver claramente que isso é assim, aceitem isso. Não há nada para se sentir mal em relação a isso. Devido ao fato de vocês estarem apegados a uma certa nacionalidade e tudo isso, vocês pensam assim, não há nada para se sentir mal.
Na Índia, as pessoas sentem muito orgulho se elas forem para fora do país para aprender ciência. Mesmos se elas forem vegetarianas, elas não se importam de fazer dissecação biológica ou qualquer coisa porque isso é ciência, é conhecimento. Assim, em prol do conhecimento, vocês têm que fazer todas essas coisas. E quando vocês compreendem que em prol do conhecimento, vocês estão realizando isso, isso irá ajudá-los muito.
...
Humildade para Evoluir:

Assim, a atitude deve ser mudada, pois até agora nós estamos decaindo, agora a atitude deve ser ascendente. E para isso, nós temos que compreender o método através do qual estamos escalando, ascendendo. Como por exemplo, você tem que ir para as montanhas, então você deve saber como escalar montanhas. Você não pode simplesmente declarar para si mesmo: “Agora, eu irei para os Himalaias”, ninguém lhe dará permissão. Assim, a pessoa tem que se habilitar e nessa habilitação, você tem que ter humildade, senão não dará certo.

Portanto, Eu tenho que fazer uma afirmação bem clara: mudem sua nacionalidade de nacionalidade mundana para a nacionalidade celestial. E lá, tudo que for necessário será feito, será aceito, será conduzido. Para isso, vocês não têm que mudar nada, mas vocês têm que se transformar em uma nova personalidade; uma nova personalidade, em que vocês são seguros.

Agora, nós estamos entrando numa nova era em que nós temos que amar. Nós não devemos agredir, nós temos que receber de braços abertos. Essa é totalmente uma outra era. Aquela agressão de Napoleão acabou agora. É algo novo que nós começamos, em direção a um novo mundo, quando nós temos que ter mais pessoas, temos que fazer a síntese da coisa toda. E quando você agride, você começa a analisar, não há nada para analisar.

Mas, tudo que é necessário para a ascensão é olhar para cima para Deus, olhar para cima para Ele com plena fé, shraddha. Então, Eu não tenho que estar em contato com vocês, vocês não precisam Me ver. Ele existe em todo lugar, vocês podem obter as bênçãos em qualquer lugar. Vocês não têm que fazer nada de especial para isso, apenas ter essa shraddha. Mas para isso, alguns mecanismos devem ser corrigidos, especialmente o Agnya precisa de “reparos”, bastante. Esta roda está sem funcionar e precisa ser corrigida.

... 
Sem Perdão não dará certo:
Seja o que for que foi feito está feito. Eu sei de uma coisa: sem o perdão, nada irá dar certo. O que está feito está feito. Errar é humano, não importa, seja o que for que foi feito está feito. Seja o que for que eles fizeram está feito. Está tudo bem, perdoe-os. O perdão é o único caminho pelo qual eles podem se elevar. E quando eles são perdoados, eles têm que compreender também agora que temos que nos elevar, porque o mundo que eles criaram realmente os tem arruinado. Se eles se elevarem agora, todo o lugar pode ficar com fragrância, como Eu lhes disse, como o lótus que emerge da lama[...]